Lipo Enzimática: Aplicação de enzimas para gordura localizada
Emagrecimento

Lipo Enzimática: Aplicação de enzimas para gordura localizada

julho 17, 2018   •   por Karen Coelho

Você sabia que existe um tratamento para acabar com a gordura localizada, que faz uso exatamente das enzimas para se obter um corpo mais bonito? Pois bem, esse recurso estético é conhecido pelo nome de Lipo Enzimática.

Lipo Enzimática: Como funciona a aplicação de enzimas que promete acabar com a gordura localizada

Caso não conheça esse procedimento saiba que agora é a oportunidade para conhecer todos os seus detalhes. É só me acompanhar pelos próximos parágrafos.

O que é Lipo Enzimática?

Lipo Enzimática gordura localizada

A palavra Lipo Enzimática não é muito comum no nosso vocabulário diário, e por isso mesmo pode provocar certa estranheza em quem a ouve pela primeira vez. Pois bem, essa palavra indica um tipo de procedimento cirúrgico – que também é conhecido pelo nome de Mesoterapia – que consiste na aplicação de enzimas, por meio de injeções com agulhas bem finas no corpo.

É comum utilizar nesta aplicação entre 4 e 6 elementos diferentes ideais para a eliminação da gordura localizada, cujas moléculas são quebradas e consequentemente eliminadas através da urina, suor e fezes.

Como funciona a Lipo Enzimática?

O tratamento funciona por meio de aplicações que podem ser feitas de duas formas, a saber: a via intramuscular na região dos glúteos ou a via subcutânea. A primeira é utilizada nos casos em que se deseja perder totalmente a gordura, enquanto a segunda é direcionada para a eliminação da gordura localizada.

Como todo procedimento estético invasivo, a Lipo Enzimática só deve ser executada por profissionais qualificados, competentes e experientes para que o paciente possa obter todos os resultados esperados com segurança e eficácia.

O número de aplicações é definido conforme a necessidade do paciente. Desta forma, a quantidade de sessões pode variar entre 10 e 15 podendo ser até mais. Quanto aos intervalos, recomenda-se que sejam entre 5 e 7 dias para as aplicações intradérmicas e o período de até 3 dias para os casos de aplicações intramusculares.

Já no que concerne ao tempo de cada sessão, o mesmo é de 30 minutos, em média. Vale lembrar que é comum surgir algum hematoma ou pequeno inchaço na região de aplicação das enzimas, mas isso não é motivo de preocupação, já que faz parte do procedimento.

Exames preparatórios e resultados

Embora a Lipo Enzimática seja considerada um procedimento seguro é recomendável, por questões de precaução, a realização de exames e testes iniciais para checar a saúde e comportamento do organismo quanto ao procedimento, principalmente as possíveis reações.

Após o início do procedimento é comum perceber os resultados a partir da terceira ou quarta aplicação, sendo que as evidências se tornam maiores assim que se aproxima da décima ou mesmo da décima quinta aplicação.

Principais vantagens

A Lipo Enzimática é um procedimento estético que oferece vários benefícios ao paciente, sendo os principais listados abaixo:

  • Redução da flacidez;
  • Maiores resultados em pouco tempo;
  • Não precisa fazer repouso.

Desvantagens da Lipo Enzimática

As desvantagens encontradas neste procedimento estético são as seguintes:

  • Na inobservância das contraindicações poderá provocar o surgimento de lesões ou necrose do tecido celular;
  • Gestantes e lactantes não devem realizar a aplicação;
  • Não recomendável a pessoas com algum tipo de inflamação ou infecção;
  • É vetado o procedimento para menores de idade.

Agora que você já sabe como funciona a Lipo Enzimática que tal compartilhar esse post com os seus amigos nas redes sociais? Até!

Lipo Enzimática: Aplicação de enzimas para gordura localizada
Avalie este post
Compartilhe!
Karen Coelho
Carioca, advogada, blogueira, coach de emagrecimento, coach de alta performance, analista comportamental do obeso e uma eterna entusiasta da vida. Criei o blog da Karen para poder compartilhar com vocês minha paixão pelo universo feminino.
Deixe seu Comentário