Comportamentos tóxicos que drenam a nossa energia.
Coaching de emagrecimento

Comportamentos tóxicos que drenam a nossa energia.

outubro 10, 2018   •   por Karen Coelho

Muitas vezes em nossas vidas, tomamos como comuns, comportamentos devastadores, que drenam a nossa energia e impedem nosso crescimento pessoal e profissional, impactam diretamente no bem-estar geral do indivíduo que se comporta negativamente, e também em todos os aspectos e pessoas da sua vida.

Sejamos honestos – todos agimos de maneira tóxica e prejudicial em um momento ou outro. Nenhum de nós está imune a mudanças de humor tóxicas ocasionais, mas muitas pessoas são mais evoluídas, equilibradas e conscientes, e tais ocorrências acontecem apenas raramente em suas vidas.

Quer o seu comportamento tóxico seja uma ocorrência comum ou apenas um fenômeno que ocorre raramente, é essencial para a sua felicidade e sucesso a longo prazo que consiga reconhecer quando está se comportando de forma negativa e mudar conscientemente a sua mentalidade quando necessário.

Comportamentos tóxicos que drenam a sua energia. coaching life

Os onze comportamentos tóxicos mais comuns:

Sentir inveja das conquistas dos outros.

Não deixe que a inveja tire o que há de melhor de você. A inveja, ao contrário de desejar o mal para a outra pessoa, trata-se da arte de contar as bênçãos de outra pessoa em vez da sua. Não há nada atraente ou admirável nesse comportamento. Então, precisamos parar de comparar a nossa jornada com a de todos os outros.

Sua jornada é a sua jornada, não uma competição. Você está competindo com uma pessoa e uma pessoa apenas – você mesmo. Você está competindo para ser o melhor que pode ser. Se você quiser medir seu progresso, compare-se com quem você foi ontem.

 

Considerar tudo muito pessoal

As pessoas são tóxicas quando acreditam que tudo o que acontece ao seu redor é relacionado diretamente a elas ou de algum modo é tudo sobre elas. A verdade é que o que as pessoas dizem e fazem a você é muito mais sobre elas do que sobre você.

As reações das pessoas a você são sobre as perspectivas delas, sobre as suas próprias feridas e experiências vividas por elas.

Se as pessoas acham que você é incrível ou acredita que você é o pior, mais uma vez, isso diz mais respeito a elas do que sobre você.

Não estou sugerindo que devemos ser narcisistas e ignorar todo o feedback.

Eu estou dizendo que tanto sofrimento, decepção e tristeza em nossas vidas vem de levar as coisas pessoalmente. Na maioria dos casos, é muito mais produtivo e saudável deixar de lado a opinião boa ou má de outras pessoas e operar com sua própria intuição e sabedoria como seu guia.

 

Agir como se fosse sempre uma vítima.

Outro comportamento tóxico é persistir reclamando reiteradamente da mesma coisa. Isso alimenta seu senso de vitimização. Acreditar que você é uma vítima, que você não tem poder para exercer e nenhum poder sobre a direção de sua vida, é uma postura tóxica que o mantém preso. Trabalhando como coach de vida com pessoas que sofreram grandes traumas em suas vidas, mas que encontraram coragem para mudar tudo isso, sei que todos nós temos acesso a muito mais poder, autoridade e influência sobre nossas vidas do que acreditamos inicialmente. Quando você para de reclamar e se recusa a ver a si mesmo como uma vítima indefesa, descobrirá que é mais poderoso do que imaginava, mas apenas se escolher aceitar essa realidade.

 

Segurar na sua vida aquilo que não te deixa evoluir.

Uma das lições mais difíceis da vida é deixar de lado – seja culpa, raiva, amor ou perda. Mudar nunca é fácil – você luta para se segurar e luta para soltar. Mas muitas vezes deixar ir é o caminho mais saudável para a frente. Limpar pensamentos tóxicos do passado. Você precisa se libertar emocionalmente das coisas que antes significavam muito para você, para que você possa ir além do passado e da dor que isso traz para você. Mais uma vez, é preciso trabalhar duro para deixar ir e refocar seus pensamentos, mas vale a pena cada esforço que você pode reunir.

 

Pensamento negativo obsessivo.

É muito difícil estar perto de pessoas que se recusam a deixar a negatividade – quando elas ruminam e falam incessantemente sobre as coisas terríveis que poderiam acontecer e aconteceram, os desprezos que eles sofreram e as injustiças da vida. Essas pessoas teimosamente se recusam a ver o lado positivo da vida e as lições positivas do que está acontecendo. O pessimismo é uma coisa – mas permanecer perpetuamente trancado em uma mentalidade negativa é outra. Só ver o negativo, e operar a partir de uma visão de que tudo é negativo e contra você, é uma maneira distorcida de pensar e viver, e você pode mudar isso.

 

Falta de autocontrole emocional.

A incapacidade de gerenciar suas emoções é tóxica para todos ao seu redor. Todos nós conhecemos essas pessoas – aquelas que explodem de raiva e choram pelo menor soluço ou problema. Gritar com a atendente da mercearia pela longa fila, gritar com uma funcionária por um pequeno erro que ela tenha cometido, ou perder a paciência com sua filha por derramar suco no chão. Se você achar que é excessivamente emocional, perdendo a calma a cada passo, pode precisar de alguma ajuda externa para ajudá-lo a ganhar controle sobre suas emoções e entender o que está na raiz de sua angústia interior. Há mais do que aquilo que aparece na superfície. Uma perspectiva independente – e um novo tipo de suporte – pode fazer maravilhas.

 

Fazer julgamentos superficiais sobre os outros.

Não julgue sempre uma pessoa pelo que ela mostra. Lembre-se, o que você viu é muitas vezes apenas o que essa pessoa escolheu para mostrar a você, ou o que eles foram levados a mostrar com base em seu estresse e dor internos. Infelizmente, quando outra pessoa tenta fazer você sofrer de alguma forma pequena, geralmente é porque ela sofre profundamente dentro de si. Seu sofrimento está simplesmente transbordando. Eles não precisam de punição ou ridicularização, eles precisam de ajuda. Se você não pode ajudá-los, deixe-os ser.

 

Crueldade (ou falta de empatia e compaixão).

Um dos comportamentos mais tóxicos é a crueldade. Ela deriva de uma total falta de empatia, preocupação ou compaixão pelos outros. Nós vemos isso todos os dias on-line e na mídia – pessoas sendo devastadoramente indelicadas e ofensivas para os outros só porque podem. Eles destroem as pessoas online de maneira covarde, usando seu anonimato como escudo. Crueldade, traição e ferir os outros por qualquer razão são tóxicos e também o machucam. Se você encontrar-se apunhalando e machucando outra pessoa só por que você pode, pare e pense. Escave fundo e encontre compaixão em seu coração e perceba que estamos todos juntos.

 

Esconder a sua verdade.

As pessoas não podem se conectar com você se você estiver constantemente tentando se esconder. E isso se torna uma situação verdadeiramente tóxica no minuto em que eles se apegam à sua falsa persona. Então lembre-se, não importa que idade, raça, sexo ou sexualidade você seja, debaixo de todas as suas decorações externas você é um ser puro e bonito, todos e cada um de nós somos. Cada um de nós tem luz para brilhar e missões para realizar. Comemore ser diferente, fora do caminho comum, um pouco estranho, sua própria criação especial. Se você se sentir como um peixe fora d’água, encontre um novo rio para nadar. Mas NÃO mude quem você é; Seja quem você é. Não se negue, melhore-se.

 

Buscar validação constante.

As pessoas que constantemente se esforçam para validação por outros são exaustivas para convivência e para consigo mesmas. Aqueles homens e mulheres que são apanhados na necessidade de provar seu valor repetidamente, e constantemente querem conquistar todos ao seu redor, são involuntariamente tóxicos e desgastantes. Saiba isso. Excetuando-se a como as coisas têm que parecer para os outros, você pode se desgastar e trazer todos os outros ao seu redor. Há uma imagem maior em sua vida e não é sobre o que você consegue aos olhos das massas. É sobre a jornada, o processo, o caminho – o que você está aprendendo, como está ajudando aos outros também aprenderem e o processo crescente em que você se permite participar.

 

Ser perfeccionista e teimoso.

Como seres humanos, muitas vezes perseguimos estados hipotéticos e estáticos de perfeição. Fazemos isso quando procuramos a casa, o emprego, o amigo ou o amante perfeitos. O problema, claro, é que a perfeição não existe em um estado estático. Porque a vida é uma jornada contínua, em constante evolução e mudança. O que está aqui hoje não é exatamente o mesmo amanhã – que a casa, o emprego, o amigo ou o amante perfeitos acabarão enfraquecendo até um estado de imperfeição. Mas com um pouco de paciência e uma mente aberta, com o tempo, essa casa imperfeita evolui para um lar confortável. Esse trabalho imperfeito evolui para uma carreira gratificante. Aquele amigo imperfeito evolui para um ombro firme para se apoiar. E esse amante imperfeito evolui para um companheiro confiável ao longo da vida. É apenas uma questão de deixar o perfeccionismo ir embora.

 

Conclusão

Todos nós temos personalidades doentias enterradas dentro de nós que têm o potencial de nos surpreenderem às vezes. Como dito acima, a chave é a conscientização – reconhecer esses comportamentos e pará-los em seus rastros. Isso não te faz ruim, apenas mostra a sua natureza humana. E é também através dela, da sua capacidade de raciocínio e evolução, que podemos melhorar a cada dia mais.

Então, quais comportamentos tóxicos (ou mudanças de humor) às vezes surgem em você? Quais comportamentos tóxicos te afastam dos outros? Como você lida com eles? Deixe um comentário abaixo e compartilhe suas ideias conosco.

Comportamentos tóxicos que drenam a nossa energia.
Avalie este post
Compartilhe!
Karen Coelho
Carioca, advogada, blogueira, coach de emagrecimento, coach de alta performance, analista comportamental do obeso e uma eterna entusiasta da vida. Criei o blog da Karen para poder compartilhar com vocês minha paixão pelo universo feminino.
Deixe seu Comentário